C   redit
Amor eu quero você, vem cá.
Vem cá e me dá um abraço apertado e deixa seu cheiro para que eu te sinta quando for embora, vem cá me da carinho? Deita comigo e esquenta minha cama, deixa eu te beijar e dá leves mordidas no seu pescoço. Se você achar melhor podemos deitar no sofá e assistir um filme romântico, eu fazendo cafuné e em seguida você continuar com o romance de forma diferente é claro, porém, eu aceito ouvir sua forma clichê de me ganhar. Vou reservar uma noite só pra nós, sei lá, eu to querendo você. Só você. Mas, de qualquer forma, vem.
Máh Soares. 
Tinha sido você já no primeiro “oi”.
Back at her, stupid.  
Porque eu cometeria os mesmos erros outras vezes, te amaria de novo mesmo sabendo que corro o risco de se machucar. Não mudaria nada, se no final do dia, fosse o seu sorriso que eu veria.
Back at her, stupid.  
Ela era esperta demais para ficar infeliz por muito tempo.
Back at her, stupid. 
Queria eu,
ser o motivo
do seu sorriso.
Géss Ferreira.  
Sabe aquela sensação de estar faltando algo?
Máh Soares. 
Você se parece muito comigo, por isso a gente nunca daria certo. Você é orgulhoso, frio, arrogante, teimoso demais, idiota na mesma medida. Mas, ainda acredito em nós.
Back at her, stupid. 
Eu vou fingir que não gosto de você. Assim você não vai embora.
Back at her, stupid.  
- Eu quero você, eu te amo, mas…
- Mas… Não é o bastante, não é?
Skins 
Eu guardo tanta coisa dentro de mim.
Máh Soares.